quarta-feira, 23 de dezembro de 2009

Previsões para 2010

Qualquer cientófilo convicto sabe que o tempo não é mais que uma dimensão relativa do mais abrangente espaço-tempo. Não há um lugar previligiado nessa rede de dimensões, nem nenhuma maneira mais correcta de a abordar. Apenas vivemos na crista da onda que o atravessa, num "surf" cósmico que alguns chamam vida. 

Ora, alguns iluminados como eu, podem ver a partir de dentro este continuum de espaço-tempo.

Aqui está a versão grátis das minhas previsões:

O Futebol Clube do Porto vai ser campião nacional. O Sporting também não. 

O primeiro ministro vai fazer um discurso sorridente sobre como a sua governação nos tem mantido fora de uma crise pior.

O Steve McIntire vai encontrar mais um erro grave no gráfico das temperaturas e a comunidade dos céticos vai gritar a plenos pulmões que a fraude foi descoberta. Mais tarde uma avaliação mostra que o erro era minimo e os resultados são pouco mais ou menos a mesma coisa que antes. 

O desemprego vai continuar alto.

Estudos cientificos publicados na European Journal of Bullshit vão mostrar que a acunpuntura é o melhor tratamento para doenças autolimitantes.

O racismo na India vai ser vendido ao Ocidente como sendo "um sistema de castas pitoresco" assente numa "cultura milenar de espiritualidade".

Vão surgir queixas de trabalho tipo escravatura na China.

O Papa não vai retirar a sua afirmação que o ateísmo foi o pior que aconteceu à humanidade.

Deus vai continuar a dar-nos o livre arbítrio para escafiar este  planeta a nosso bel prazer, e de fazer uma série de outras asneiras.

Berlusconi vai por uma prótese dentária.

Um "reality show" com criacionistas dentro de um barco cheio de animais vai ser um sucesso de audiências até o leão escapar da jaula.

Enviar um comentário